5 ideias para melhorar a concentração infantil.

Para realizar a maioria das tarefas em casa e no trabalho você precisa ser capaz de se concentrar e manter a sua atenção por algum tempo, mesmo que já tenha se tornado algo automático no seu cotidiano. A concentração é um requisito para toda nova aprendizagem.

Para uma criança não é diferente! Ela não apenas precisa ser capaz de se concentrar em tarefas, mas também precisa desenvolver consciência corporal e autocontrole para manter-se no mesmo lugar, tempo suficiente para ouvir, absorver as instruções e processar seu aprendizado.

A maioria das crianças, de vez em quando, vai experimentar algumas situações de dificuldade para manter a concentração ou o foco. Isto é particularmente verdadeiro quando elas estão cansadas, sobrecarregadas ou expostas à excesso de estímulos.

Ao observar um grupo de crianças, podemos perceber rapidamente que algumas tem maior habilidade em manter a atenção e a concentração, porém outras distraem-se facilmente, perdem o foco com frequência e tem dificuldade em cumprir uma tarefa ou terminar uma atividade.

No segundo caso, há algumas formas de estimulação que os pais podem fazer em casa e que tem impactos positivos sobre os níveis de concentração infantil. Como qualquer outra habilidade, a concentração pode ser estimulada e ampliada quando há regularidade e determinação.

Aqui estão cinco ideias que você pode usar para ajudar as crianças a se concentrarem melhor:

1 – Atender às suas necessidades fisiológicas: A maioria das crianças e adolescentes concentrar-se melhor depois de nove horas de sono, por isso garanta que eles seu filhos tenham um período de sono adequado e reparador. Além disso, tenha um cuidado especial com a alimentação: estimule a redução de açúcar, sódio e conservantes, já exitem resultados científicos da influência negativa do excesso desses ingredientes na concentração e outras habilidades mentais.  E não esqueça de incluir exercícios físicos e liberação de energia corporal periodicamente para as crianças (esportes, brincadeiras ao ar livre).

2 – Elimine as distrações em casa: O excesso de estímulos visuais e sonoros é inimigo da concentração infantil. Desligue a TV, eletrônicos, organize os brinquedos e materiais escolares e mantenha o ambiente livre de bagunça. Se necessário, feche as janelas no período de estudo e mantenha animais de estimação longe por um tempo. Ajude seu filho a identificar qual é o foco de atenção e retire do ambiente aquilo que possa atrapalhar seu nível de concentração.

3 – Criar um clima favorável para a concentração: ás vezes um música clássica ou uma leitura agradável antes do período de maior exigência mental pode contribuir. Além disso, determine um local da casa adequado para estudos e tarefas, tornando uma referência para a concentração.

4 – Sugira e inclua atividades de sequência e organização: esse tipo de atividade estimula o cérebro a criar estratégias para manter uma linha de raciocínio e fortalece a concentração. Alguns exemplo são: Arrumar a mesa para o almoço, colocar objetos em ordem alfabética, separar brinquetos seguindo critérios específicos (por cor, por tamanho…). Inclusive jogos de tabuleiro ou de cartas promovem e estimulam a concentração infantil, além de fortalecer o vinculo familiar e desenvolver habilidades sociais.

5- Observar e descobrir em quais atividades seu filho se concentra melhor: Algumas crianças se saem bem quando estão envolvidas em atividades práticas, concretas, enquanto outras se concentram melhor quando há uma recursos visuais para ajudá-los. Faça alguns teste para identificar quais recursos facilitam a aprendizagem dele e o ajude a construir sua própria forma de estudo. Procure atividades que seu filho demonstre maior interesse para começar e vá direcionando para aquelas que são mais complexas para ele.

Participe da Discussão!

engajamentos